Notícias

História do Modernismo é tema de curso no Instituto Ling, em Porto Alegre

Por março 18, 2017 Sem comentários

Nos dias 5, 12 e 19 de abril, o Instituto Ling oferece o curso Modernismo: arte e história, com o historiador Voltaire Schilling.  Os temas dos encontros serão “A história da grande arte e as bases da estética ocidental”; O nascimento do Modernismo, a ruptura com a realidade e com os cânones”; e “O legado do Modernismo para a Arte Contemporânea. A genialidade questionável de Marcel Duchamp, pelas lentes da Grande Arte”.

O resumo trata que: “A Primeira Guerra Mundial não somente assinalou o declínio econômico, político e militar da Europa, como também o fim de uma respeitável continuidade cultural. O cultivo do humanismo aristocrático e do individualismo liberal, depois da catástrofe, entrou em crise definitiva. A isso se somou, nas primeiras décadas do século XX, a emergência das ideologias seculares – a democracia, o comunismo e o nazi-fascismo – que vieram, por assim dizer, ocupar um espaço esvaziado de Deus. Deu-se então, no campo da estética, a maior ruptura com uma tradição de, no mínimo, cinco séculos de arte e literatura: a arte moderna fez do repúdio ao passado a sua pedra filosofal.”

Professor de História há mais de 30 anos, Voltaire Schilling é autor de diversas publicações, como A Revolução Chinesa, O Nazismo – breve história ilustrada, Momentos da História: a função da História na conjuntura social, Estados Unidos vs América Latina: as etapas da dominação, Tempos da História, O Conflito das Ideias, América, Ocidente vs Islã. É responsável pela página de História do portal Terra.

Fundado em 1995, o Instituto Ling ganhou um Centro Cultural – na rua Rua João Caetano, 440 – Bairro Três Figueiras, em Porto Alegre (RS). Com 3.200 metros quadrados, dispõe de auditório, salas de aula, galeria e laboratório gastronômico. O espaço foi projetado por Isay Weinfeld.

Clique aqui e saiba mais sobre o curso.

Sede do Centro Cultural do Instituto Ling, em Porto Alegre. Edificação projetada pelo arquiteto Isay Weinfeld. Foto: Divulgação

X
X