Notícias

Marca curitibana aplica o método Montessoriano na criação de produtos para ambientes infantis

Por junho 12, 2018 Sem comentários

Das encantadoras cabaninhas a uma linha completa de produtos para ambientes infantis, a marca curitibana Julieta for Fun vem ampliando o seu portfolio com a aposta no método Montessoriano, que estimula a autonomia e o desenvolvimento natural da criança. Criada há três anos, a partir de uma experiência em uma feira hippie da capital paranaense, a marca especializada em décor fun – também conhecida como Fabriquinha de Alegrias – possui loja virtual consolidada e acaba de inaugurar sua primeira loja física na Coletiza, espaço recém-inaugurado na cidade.

A iniciativa é de Paula Fava, atenta às novas tendências de mercado e preocupada com o crescimento dos seus dois filhos e com as demais crianças. São camas-casinhas e móveis que permitem a circulação e a exploração da criança, sem perder a segurança. “Camas-casinhas são, indiscutivelmente, uma grande tendência no mundo! A procura é enorme! Além de lindas e divertidas, as camas, cujo colchão fica apoiado próximo ao chão, assim como outros móveis colocados na altura das crianças – mesinhas, prateleiras e armários,  permitem a independência e autonomia com segurança que o Método Montessori sugere como tão importantes para a percepção natural da liberdade e dos limites durante a infância. É realmente encantador.”, diz ela, valorizando o estímulo ao desenvolvimento pleno e equilibrado das crianças que o método propõe.

“O conceito de cama-casinha-montessoriana, porém, é um pouco equivocado, pois, como ela é a imitação de uma casa, ela é uma ‘fantasia’. E este método trabalha com o aprendizado através da realidade: sem o aporte de ‘fantasias prontas’ introduzidas pelos adultos, as quais supostamente limitam o processo criativo”, ressalta. Por outro lado, enfatiza Paula, a cama-casinha é uma imitação bastante abstrata. “Portanto, acreditamos que não oferece prejuízo algum ao processo criativo. Pelo contrário. Observamos o uso intenso da imaginação criativa pelas crianças em nossos ambientes”, afirma.

Fotos: Camila Ferraz | Divulgação

 

X
X