Projetos

Arquitetos valorizam o entorno da casa de campo na criação do novo espaço de convivência

Um espaço de convívio e confraternização para receber família e amigos. Era disso que precisavam os proprietários desta casa de campo, na localizada de Taquaras, em Rancho Queimado (SC). Mas não poderia ser algo simples. Seria preciso projetar uma estrutura capaz de acomodar até 150 pessoas, nos almoços, jantares e festas organizadas pelo casal e por seus dois filhos.

A missão foi confiada ao escritório Melo Mesquita Arquitetura, de Florianópolis, comandado pelos arquitetos e urbanistas Ana Carolina Melo, Thaysa Mesquita e Fábio Bubniak. O trio assumiu o desenvolvimento do projeto de Arquitetura, de Arquitetura de Interiores e a execução da obra.

“O desafio foi construir uma edificação em conformidade com o entorno, que é bem especial, proporcionando completa integração entre ambientes internos e conexão total com a paisagem. Outro desafio foi criar ambientes amplos para comportar grande número de convidados, sem perder o clima intimista e aconchegante de casa de campo, pois ora seria utilizado por muitas pessoas, ora apenas para convívio da família”, conta Ana Carolina.

Tomando partido do terreno em declive, o projeto da edificação previu três pavimentos, totalizando 507,78 metros quadrados de área construída. No subsolo, foram concentradas as atividades de salão de festas e jogos. O térreo foi destinado aos ambientes de estar, descanso e espaço gourmet. No andar superior, foram localizadas algumas suítes para hóspedes, oferecendo um visual privilegiado do entorno.

Os profissionais planejaram uma edificação com estrutura mista, mesclando a alvenaria tradicional com o emprego de madeira aparente em contraste com elementos metálicos de circulação. Os fechamentos em vidro emolduram a paisagem e proporcionam integração com o entorno. “Também nos revestimentos buscamos esta continuidade. Sendo assim, volumes específicos foram revestidos com pedras brutas tanto externa quanto internamente”, acrescentam.

Como revestimento de piso, optaram por porcelanato de padrão amadeirado, garantindo boa manutenção sem perder a estética de ‘casa de campo’. O mobiliário fixo apresenta design limpo, com alguns detalhes para marcar o estilo fazenda. Assim, valorizou-se as peças soltas, cuidadosamente garimpadas pelo proprietário, equilibrando tecido, fibra, madeira e couro, conforme a equipe de projeto havia pensado inicialmente.

 

Principais fornecedores: 

Empreiteira AVS

Esquadrias Alas

Revestimentos Portobello

Madeireira Kremer

Metalúrgica D Farias

 

Fotos: Rudi Razador | Divulgação 

 

error: Para compartilhar esse conteúdo, use o link ou as ferramentas de compartilhamento do site da revista ÁREA e contribua para a valorização do jornalismo especializado.
X
X