Notícias

Arquitetas e designer curitibanas lançam projeto ‘Caçamba do Bem’ para doação de saldo de obras

Por novembro 24, 2018 Sem comentários

Inconformadas com a destinação das sobras de obras a cada novo projeto executado, quatro amigas decidiram fazer a diferença. As arquitetas Camila Picoli, Carolina Beckert, Fernanda Heller e a designer Marília Bender Almeida uniram-se pelo mesmo propósito: ajudar.

Foi a realidade diária de trabalho que fez com que as amigas detectassem um nicho e, assim, surge o ‘Caçamba do Bem‘ em Curitiba. “Todas estamos em obras de nossos clientes quase todos os dias. Vemos muitas oportunidades que poderiam ajudar famílias, muitas vezes em entulhos. Foi aí que pensamos no porque não usar esse saldo de obra e criar, além de um bazar beneficente, uma cultura de consumo consciente”, diz Carolina Beckert.

“Sabemos que muitas vezes o lado positivo da nossa profissão não é visto e por isso queremos mostrar o real sentido da arquitetura, levando-a para todas as classes com o intuito de proporcionar melhoria na qualidade de vida e incentivar o desenvolvimento social”, complementa Marília Bender Almeida, uma das idealizadoras do projeto.

Essa ‘rede do bem’ irá acontecer em etapas. A inicial é criar um sistema de coleta destes saldos em obras parceiras. São pisos, cubas, portas, porcelanato, e tudo mais que passar pela curadoria das fundadoras do projeto. A segunda etapa será um bazar estilo ‘garage sale’, onde esses saldos serão vendidos com até 60% de desconto do valor de mercado. E aí sim, a renda levantada neste bazar que irá 100% para projetos pré-estabelecidos de melhorias. “Nossa ideia é ajudar muitas instituições que precisam e assim unir esforços e criatividade para um resultado positivo na vida de muitas pessoas”, acrescenta Camila Picoli.

Outro ponto muito importante no projeto, os profissionais parceiros que queiram entrar nessa corrente do bem, terão um selo Caçamba do Bem em seus escritórios. Um símbolo que foi especialmente criado para mostrar à sociedade que o escritório também faz parte dessa arquitetura consciente e solidária. “Cada pessoa tem um estilo próprio, uma maneira de ser, mas criar essa rede de benfeitorias e transformar sonhos em realidade é um trabalho que fará tudo fazer sentido”, diz Fernanda Heller.

 

Profissionais e empresas interessados em colaborar, podem fazer contato pelo e-mail: oi@cacambadobem.com.br

Arquitetas Camila Picoli, Carolina Beckert, Fernanda Heller e a designer Marília Bender Almeida, idealizadoras do projeto ‘Caçamba do Bem’ em Curitiba

error: Para compartilhar esse conteúdo, use o link ou as ferramentas de compartilhamento do site da revista ÁREA e contribua para a valorização do jornalismo especializado.
X
X