Projetos

Lanchonete retrô vira atração turística na região metropolitana de Porto Alegre

Por julho 2, 2017 Sem comentários

Quem passa por Sebastião do Caí, na região metropolitana de Porto Alegre (RS), não deixa de parar no posto de combustível da rede SIM às margens da RS-122, no sentido interior-capital. E não é só para abastecer o carro. A atração é a lanchonete em estilo retrô inaugurada em maio deste ano, com ambientes temáticos inspirado nos anos 1950. O projeto, executado pelo arquiteto Carlos Santos e pela designer de interiores Ariane Pistorello, foi concebido pelo departamento de mercado da rede.

“Em conversa com o diretor da empresa, guardei duas coisas que ele me disse: que o ambiente não fosse caricato e que as pessoas, ao entrarem no local, tivessem a sensação de estar realmente nos anos 1950”, conta a designer de interiores Ariane Pistorello, sócia da OPEN Design de Interiores, com sede em Caxias do Sul (RS). A partir desse briefing, ela iniciou o trabalho de pesquisa de cores, materiais, estilos e mobiliários da época. “Eu fazia questão de que cada detalhe do projeto fosse fundamentado e tivesse um porquê. Esta pesquisa se deu através de imagens de ambientes, livros de história do Design e do contexto histórico da época. O que encontrei foram referências ao grafismo, mobiliário de madeira, metais (aço inox), azulejos, luminárias bem características e cores pouco saturadas. Estes foram os itens que mais trabalhei no projeto”, detalha.

O grafismo está no revestimento cimentício do piso, no papel de parede e nos cobogós – elementos essencialmente brasileiros e muito usados naquela década. O mobiliário recebeu lâmina de madeira natural e o aço inox está presente em vários detalhes, das luminárias  ao móveis. Os azulejos foram aplicados na área de lanches e nos sanitários.

“Para mim, o ambiente atendeu à sua proposta, uma vez que os profissionais da área reconhecem o trabalho de pesquisa que foi feito. Porém, o mais importante é que os usuários se sintam bem e encantados dentro da loja. Ver a importância do nosso trabalho, com a responsabilidade que temos perante à marca da empresa e seus usuários, é extremamente gratificante. As pessoas querem saber onde fica, querem ver e usufruir das experiências que o lugar nos traz. É incrível a quantidade de pessoas que podemos atingir com um projeto de interiores”, comemora Ariane.

Fotos:  Zé Roberto/Agência Gampi | Divulgação.

 

 

X
X