Eventos

Galeria Helena Fretta realiza leilão on-line de obras de artistas brasileiros

Por junho 4, 2020 Sem comentários

A Galeria Helena Fretta, de Florianópolis, realizada, no dia 9 de junho, o seu primeiro leilão on-line com obras de dezenas de artistas brasileiros. Dentre elas estão obras de algumas das maiores expressões da arte catarinense, como Vera Sabino, Rodrigo de Haro, Sílvio Pléticos, Caio Borges, Zumblick e Juarez Machado. No total, são 83 obras, entre pinturas, fotografias, desenhos e esculturas.

O leilão terá início às 19h pelo site www.bestleiloes.com.br.

As obras estão disponíveis para visitação na galeria até o dia 9 de junho: rua Presidente Coutinho, 532, Centro, Florianópolis (SC).

Confira a lista completa dos lotes a seguir, com a descrição da obra, currículo dos autores e o valor do lance inicial:

 

LOTES DESCRIÇÃO LANCE INICIAL
LOTE 001 Nildo Martins – Vaso de Flor – AST – 47×27 cm (com moldura  50×29,5 cm)

Florianópolis/SC – Pintor autodidata, Martins apoia sua técnica numa composição dinâmica de planos superpostos, estruturados num esquema de valores tonais intermediários. Aborda uma temática regional, além de explorar problemas pictóricos básicos, permeados por períodos da história da arte como o pós-cubismo.

R$ 190,00
LOTE 002 Luciano Boletti – S/ Título – Acrílica sobre papel – 45×48 cm

Primeiro de Maio/PR (1972) – Graduado pela UEL, Boletti tem no currículo 17 exposições individuais, além de participação em coletivas e salões. Pertence à geração mais recente das artes plásticas brasileiros, tendo passado por júris exigentes para expor em galerias de prestígio. Além de um grande artista, é um competente restaurador, reconhecido em todo Estado de Santa Catarina.

R$ 500,00
LOTE 003 Nildo Martins – Natureza Morta – 15×46 cm – ASE

Florianópolis/SC – Pintor autodidata, Martins apoia sua técnica numa composição dinâmica de planos superpostos, estruturados num esquema de valores tonais intermediários. Aborda uma temática regional, além de explorar problemas pictóricos básicos, permeados por períodos da história da arte como o pós-cubismo.

R$ 150,00
LOTE 004 Beta Monfroni – Paisagem – 20×20 cm – ASE

Rio Grande do Sul (1948) – Vive e trabalha em São José/SC. Seu estilo espontâneo, que explora o limite entre o abstrato e a figura encontrou na tela e no acrílico o melhor suporte para expressar suas ideias. Com pinceladas fortes e espaçosas, desenho impecável, é uma das grandes expressões da pintura abstracionista de Santa Catarina, com exposições individuais no MASC em 2003 e 2008.

R$ 250,00
LOTE 005 Beta Monfroni – Paisagem – 20×20 cm – ASE

Rio Grande do Sul (1948) – Vive e trabalha em São José/SC. Seu estilo espontâneo, que explora o limite entre o abstrato e a figura encontrou na tela e no acrílico o melhor suporte para expressar suas ideias. Com pinceladas fortes e espaçosas, desenho impecável, é uma das grandes expressões da pintura abstracionista de Santa Catarina, com exposições individuais no MASC em 2003 e 2008.

R$ 250,00
LOTE 006 Jair Martins – Retratos da Ilha, 2020 – AST – 25×70 cm

Florianópolis/SC (1965) – A pintura de Jair Martins estrutura-se a partir da superposição de planos de cores que obedecem a uma rigorosa lógica formal. Ícones provenientes das antigas tradições da Ilha de SC, transformados em signos plásticos inserem-se em superfícies de cores chapadas de diferentes tonalidades.

R$ 280,00
LOTE 007 Zélia Bússolo – Crisântemo, 2004 – OSE – 14×18 cm (com moldura 38×32 cm)

Florianópolis/SC – Dedica-se  à pintura desde 1986.  A força de sua pintura está na riqueza de detalhes e nos jogos de sombras e luzes. A poesia das formas de suas naturezas mortas e paisagens repousam num clima de penumbra interceptado por fachos de luz que revelam elegância e vitalidade.

R$ 290,00
LOTE 008 Zélia Bússolo – Crisântemo, 2004 – OSE – 14×18 cm (com moldura 38×32 cm)

Florianópolis/SC – Dedica-se  à pintura desde 1986.  A força de sua pintura está na riqueza de detalhes e nos jogos de sombras e luzes. A poesia das formas de suas naturezas mortas e paisagens repousam num clima de penumbra interceptado por fachos de luz que revelam elegância e vitalidade.

R$ 290,00
LOTE 009 Zélio  Andrezzo – Meninos na escada – OST – 21×15 cm (com moldura 52×44 cm)

Florianópolis/SC (1948). O artista possui um palheta madura com pinceladas firmes e decididas. Evoluindo no transcorrer do tempo, refletem seus trabalhos as luzes douradas do horário nobre dos céus da tarde, característica da pintura italiana. Suas obras fazem parte de diversos acervos particulares no Brasil e no exterior.

R$ 495,00
LOTE 010 Zélio  Andrezzo – Mirante – OST – 21×15 cm (com moldura 30×36 cm)

Florianópolis/SC (1948). O artista possui um palheta madura com pinceladas firmes e decididas. Evoluindo no transcorrer do tempo, refletem seus trabalhos as luzes douradas do horário nobre dos céus da tarde, característica da pintura italiana. Suas obras fazem parte de diversos acervos particulares no Brasil e no exterior.

R$ 495,00
LOTE 011 Índia Filipin – S/ Título – 100×100 cm – OST

Artista paulista, inicia sua carreira em Campinas/SP, nos anos 1970 até transferir-se para Curitiba/PR, na década de 1980, onde passa a frequentar escolas de pintura e expor e diversas galerias e espaços de arte. Em 1991 muda os rumos de sua pintura, passando a trabalhar dentro do estilo moderno.

 

R$ 2.300,00
LOTE 012 Zanotti – Os três Poderes, 2005 – 60×100 cm – T. Mista

Praia Grande/SP (1945-2008) – Transita entre o figurativo e o abstrato, deixando algumas referências do mundo visível para que possamos identificá-lo. O restante é cor, planos, luz, sombra; matéria prima do artista. Como exímio colorista, Zanotti deixa a cor dominar a obra. Ela é forte e necessária; ora sutil, ora contundente. Explora a transparência, quase como uma aquarela: suave ao toque, ao olhar.

R$ 1.200,00
LOTE 013 Vera Sabino – Figura Feminina com pássaro, 2012 – 20×25 cm – ASE (38×33 cm com moldura)

Vera Sabino (Florianópolis/SC 1949). É reconhecida nacionalmente, retratando a cultura, tradições e costumes de Santa Catarina. O tema principal de suas obras sempre foi voltado às histórias que ouvia quando era criança sobre as bruxas. Florianópolis é conhecida como a ilha da magia, e o mito dessas criaturas é popular entre seus habitantes. Tem em seu currículo cerca de 40 exposições, englobando as mostras internacionais. Coleciona também diferentes prêmios, como a Medalha de Mérito Cultural Cruz e Sousa.

R$ 1.900,00
LOTE 014 Ely Albernaz – Casarios – AST – 30×40 cm (com moldura40x50 cm)

Uruguai (1947) – Vive e trabalha em Florianópolis/ SC . Estudou desenho e pintura com o pintor espanhol Antônio Higueras e o pintor uruguaio Osmar Santos na Escola Taller de Artes Plásticas. Suas obras estão em museus no Uruguai e Brasil e em coleções particulares na Arábia Saudita, Argentina, Bélgica, Brasil, Espanha, Estados Unidos, Itália, Portugal, Uruguai.

R$ 290,00
LOTE 015 Ely Albernaz – Casarios e Igreja – AST – 30×40 cm (com moldura 40×50 cm)

Uruguai (1947) – Vive e trabalha em Florianópolis/ SC . Estudou desenho e pintura com o pintor espanhol Antônio Higueras e o pintor uruguaio Osmar Santos na Escola Taller de Artes Plásticas. Suas obras estão em museus no Uruguai e Brasil e em coleções particulares na Arábia Saudita, Argentina, Bélgica, Brasil, Espanha, Estados Unidos, Itália, Portugal, Uruguai.

R$ 290,00
LOTE 016 Jair Martins – Galinheiro Bruxólico, 2012 – AST –  60×70 cm

Florianópolis/SC (1965) – A pintura de Jair Martins estrutura-se a partir da superposição de planos de cores que obedecem a uma rigorosa lógica formal. Ícones provenientes das antigas tradições da Ilha de SC, transformados em signos plásticos inserem-se em superfícies de cores chapadas de diferentes tonalidades.

R$ 220,00
LOTE 017 Sérgio Berber – Girassóis, 2012 – OST – 20×30 cm

Florianópolis/SC (1941) – Desenhista, pintor e cineasta. Cursou pintura e desenho em São Paulo/SP. Teve sua obra aceita para participação na Bienal Internacional de São Paul/SP. Preocupado com a luz e o movimento, seu trabalho, com cores marcantes, quase sempre tem o mar como fundo, pois seu tema atual mais frequente é o trabalho dos pescadores da Ilha de Santa Catarina.

R$ 390,00
LOTE 018 Cássia Aresta, Confluência I e II, 2020 – AST – 20×20 cm (díptico)

Florianópolis/SC (1956) – Nos anos 1990 estudou com os artistas Tuneu, Brito Velho, Dudi Maia Rosa e Paulo Pasta. Seu trabalho estabelece o conceito espaço/tempo através de linguagens construtivas. São sensações óptico-sensoriais, através de estruturas geométricas, que desenvolvem relações espaço-tempo. O conceito é encontrado na interação de planos, delimitações, linhas, cores e superfície.

R$ 500,00
LOTE 019 Beatriz Harger – S/ Titulo, 2018 – Fotografia  Fine Art – 64×97 cm

Joinville/SC (1961) – Artista visual que reside em Florianópolis/SC. Participa de exposições coletivas em SC e RS. Seu trabalho conecta técnica para representar o imaginário entre os desenhos, pinturas e fotografias. A convivência junto à natureza lhe inspira registrar cenas que despertam emoção ao tocar a sua memória afetiva para transmitir a necessidade do equilíbrio no mundo atualmente.

R$ 600,00
LOTE 020 Betinha Trevisan – Da série “Árvores com flores”, 2016 – 55×78 cm –  Fotografia impressa em canvas, 2019

Alegrete/RS (1960) – Vive e trabalha em Florianópolis/SC. Realiza trabalhos em diversas técnicas como pintura, desenho, fotografia, etc. Realizou sua primeira mostra individual de pinturas em 1989. Participou de salões e exposições no Brasil, EUA, França e Argentina. Atualmente participa do Núcleo de Estudos em Fotografia e Arte (NEFA) e sua pesquisa está voltada para a relação pintura e fotografia.

R$ 690,00
LOTE 021 Jair Martins – Ponte Hercílio Luz, 2020 – AST – 67×137 cm

Florianópolis/SC (1965) – A pintura de Jair Martins estrutura-se a partir da superposição de planos de cores que obedecem a uma rigorosa lógica formal. Ícones provenientes das antigas tradições da Ilha de SC, transformados em signos plásticos inserem-se em superfícies de cores chapadas de diferentes tonalidades.

R$ 590,00
LOTE 022 Sérgio Berber – Sailing  XIX, 2005 – OST – 24×18 cm (com moldura 30×36 cm)

Florianópolis/SC (1941) – Desenhista, pintor e cineasta. Cursou pintura e desenho em São Paulo/SP. Teve sua obra aceita para participação na Bienal Internacional de São Paul/SP. Preocupado com a luz e o movimento, seu trabalho, com cores marcantes, quase sempre tem o mar como fundo, pois seu tema atual mais frequente é o trabalho dos pescadores da Ilha de Santa Catarina.

R$ 360,00
LOTE 023 Sérgio Berber – Sailing XVIII, 2005 – OST – 24×18 cm (com moldura 30×36 cm)

Florianópolis/SC (1941) – Desenhista, pintor e cineasta. Cursou pintura e desenho em São Paulo/SP. Teve sua obra aceita para participação na Bienal Internacional de São Paul/SP. Preocupado com a luz e o movimento, seu trabalho, com cores marcantes, quase sempre tem o mar como fundo, pois seu tema atual mais frequente é o trabalho dos pescadores da Ilha de Santa Catarina.

R$ 360,00
LOTE 024 Tolentino – A espera do marido  28×18 cm – AST

Tolentino Santanna Neto (Orleans-SC – 1966), atualmente mora em Florianópolis. Foi apontado pelos críticos de arte como revelação do Naïf de Santa Catarina. Sua temática é registrar o cotidiano ilhéu nas imagens de festas, folclore e de fé. Em seus quadros prevalecem cores vibrantes. Costuma retratar o boi-de-mamão como uma brincadeira rica e diversificada, valorizando personagens como a maricota, o cavalinho e o urubu.

R$ 250,00
LOTE 025 Constancia Nery – Colheita de uva, 2001 – 30×46 cm – OST

Ipiguá/SP (1936) –  Pintora naïf Estudou folclore, tema que elegeria em seus trabalhos ao longo da vida. Suas obras estão no acervo de importantes colecionadores e em livros e dicionários especializados em Arte. Desde 1969, a pintura passou a ser a atividade principal. Sua temática é inspirada em plantações e colheitas, festas tradicionais e o quotidiano da vida do mundo moderno rural e urbana.

R$ 750,00
LOTE 026 Fukuda – S/ Título – 30×40 cm – Mista s/ tela

Indiana/SP (1943) – Escultor, pintor, gravador. Sua escola é, principalmente, a Abstrata: Tachismo. Fukuda é conhecido por sua linha de trabalho em composição com manchas. Começou sua carreira como pintor figurativo: naturezas mortas, retratos e paisagens. Nos idos de 80, iniciou sua fase abstracionista viajando pelo mundo, expondo nas mais conhecidas galerias europeias e americanas.

R$ 1.500,00
LOTE 027 Fukuda – S/ Título – 40×50 cm – Mista s/ tela

Indiana/SP (1943) – Escultor, pintor, gravador. Sua escola é, principalmente, a Abstrata: Tachismo. Fukuda é conhecido por sua linha de trabalho em composição com manchas. Começou sua carreira como pintor figurativo: naturezas mortas, retratos e paisagens. Nos idos de 80, iniciou sua fase abstracionista viajando pelo mundo, expondo nas mais conhecidas galerias europeias e americanas.

R$ 1.800,00
LOTE 028 Caio Borges – Casal, 2013 – AST – 76×126 cm

Içara/SC (1958) – Artista de identidade própria e marcante. Reconhecido pela incessante busca da sensualidade das formas e das texturas. Não somente o aprimoramento da técnica, mas a solidificação da expressão artística madura e verdadeira. Caio penetra em momentos íntimos e retrata a harmonia de seus temas em equilíbrio com o ambiente. Sem preocupação com a precisão anatômica.

R$ 1.900,00
LOTE 029 Caio Borges – Ciclista, 2016 – AST – 45×70 cm

Içara/SC (1958) – Artista de identidade própria e marcante. Reconhecido pela incessante busca da sensualidade das formas e das texturas. Não somente o aprimoramento da técnica, mas a solidificação da expressão artística madura e verdadeira. Caio penetra em momentos íntimos e retrata a harmonia de seus temas em equilíbrio com o ambiente. Sem preocupação com a precisão anatômica.

R$ 650,00
LOTE 030 Joyce Mussi – Banco com pássaros – 43×74 cm – Fotografia Fine Art

Florianópolis/SC – Dedica-se à pesquisa fotográfica desde os anos 90, investigando a ampliação de possibilidades da imagem. Suas imagens refletem seu ponto de vista, desencadeando processos de leitura em variados suportes. Com exposições no Brasil e no exterior, trabalha dentro de um espaço que compreende a fotografia para além do registro.

R$ 600,00
LOTE 031 Michael Furlan e Nely – Moringa de Eucalipto – 27×28 cm

São José do Serrito/SC e Florianópolis/SC – A principal característica de suas peças é incorporar na criação as rachaduras, os nós naturais, os buracos, o brancal ou até mesmo a casca. Praticamente todas as árvores encontradas em rios, encostas e até mesmo enterradas são reutilizadas na produção de objetos. As peças criadas são um diálogo entre o homem e a natureza: “elas é que darão seu formato”.

R$ 600,00
LOTE 032 Michael Furlan e Nely – Vaso de Pau Brasil – 38×14 cm

São José do Serrito/SC e Florianópolis/SC – A principal característica de suas peças é incorporar na criação as rachaduras, os nós naturais, os buracos, o brancal ou até mesmo a casca. Praticamente todas as árvores encontradas em rios, encostas e até mesmo enterradas são reutilizadas na produção de objetos. As peças criadas são um diálogo entre o homem e a natureza: “elas é que darão seu formato”.

R$ 800,00
LOTE 033 Lucas Flygare – Nocturno 1, 2018 – 60 x 45 cm – Fotografia Fine Art

Artista multimídia desenvolve também trabalhos em fotografia e vídeo. Em 2016 iniciou suas pesquisas em fotografia no campo das artes visuais, fez cursos com Leticia Lampert, Marcelo Greco e Lucila Horn. Participou com projeções dos seus trabalhos “Nocturno” e “des-contruções transitórias” no 6º Festival Internacional de Fotografia de Avintes, Portugal. Faz parte do Núcleo de Estudos em Fotografia e Arte.

R$ 720,00
LOTE 034 Juliano Aguiar – Série Mapas Cartográficos – Mista sobre papel 32×39 cm – (40×46 cm com moldura)

Artista de Minas Gerais, Juliano Aguiar traz tem uma inconfundível habilidade de criação como resultado de suas pesquisas sobre mapas cartográficos náuticos, ilustrações científicas da flora e vida marinha brasileira e análises sobre o comportamento social e cultural no Brasil.

R$ 1.500,00
LOTE 035 Silvio Pleticos – Cidade – AST – 40×50 cm – (com moldura 72×82 cm)

Pula/Croácia (1924 – 2020) – Estuda arte em Milão em 1940. A Segunda Guerra o torna ilustrador do Exército. Depois, retoma os estudos em Zagreb, entre 1947/54. Chega ao Brasil em 1961, passando por diversas cidades até se fixar, em 1967, em Florianópolis/SC, onde foi professor de desenho e pintura. Classificar a obra de Pleticos é uma tarefa quase impossível. Figurativo, fauvista, cubista ou surrealista? Um olhar atento pode constatar traços de cada uma dessas correntes.

R$ 8.400,00
LOTE 036 Sara Ramos – Cactos – 23×16 cm – Cerâmica

Sara Ramos, Florianópolis/SC-Brasil (1958). Formada em Artes Visuais e em Língua e literatura portuguesa, trabalha como ceramista e escultora há mais de uma década. Começou pela pintura, fez incursões pela serigrafia, design e música, mas foi através do manuseio da argila e do fogo que encontrou o verdadeiro caminho para expressar o seu potencial criativo na sua forma mais plena. A artista vem apresentando seus trabalhos em várias mostras Coletivas e Individuais no Brasil e no exterior desde 2004.

R$ 600,00
LOTE 037 Sara Ramos – Bromélia – 23×17 cm – Cerâmica

Sara Ramos, Florianópolis/SC-Brasil (1958). Formada em Artes Visuais e em Língua e literatura portuguesa, trabalha como ceramista e escultora há mais de uma década. Começou pela pintura, fez incursões pela serigrafia, design e música, mas foi através do manuseio da argila e do fogo que encontrou o verdadeiro caminho para expressar o seu potencial criativo na sua forma mais plena. A artista vem apresentando seus trabalhos em várias mostras Coletivas e Individuais no Brasil e no exterior desde 2004.

R$ 600,00
LOTE 038 Cleusa Soares – Tulipas, 2018 – OST – 30×40 cm (60×68 cm com moldura)

Pelotas/RS (1950) – Sua pintura se caracteriza pelo hiper-realismo com cores fortes, pinceladas determinadas, que retratam na sua maioria naturezas mortas, figuras e flores. Cleusa Soares tem uma pintura limpa, sem excesso de tintas, conseguindo passar para a tela toda sua sensibilidade e determinação através de formas tão harmoniosas.

R$ 950,00
LOTE 039 Zumblick – Paisagem Litorânea de Santa Catarina – 50×40 cm – OSM

Willy Alfredo Zumblick (Tubarão/SC, 1913 – 2008) Pintor e escultor, fez  sua primeira exposição individual em 1939, Tubarão, e no mesmo ano em Florianópolis. Realizou mais de 70 exposições individuais e coletivas em SC, RS, PR, RJ e Brasília. Executou telas ligadas à história do Estado de SC, Vias-Sacras das igrejas de Tubarão e Criciúma/ SC, relevos em concreto e cerâmica e bronze.

Figura junto com Vitor Meirelles, Martinho de Haro, Hassis e Meyer Filho entre os principais artistas plásticos do Estado.

R$ 7.900,00
LOTE 040 Rodrigo Cunha – Figura Masculina com chapéu – 35×21 cm – desenho s/ papel  (55×36 cm com moldura)

Rodrigo Cunha (Florianópolis/SC 1976). Formado em Artes Plásticas pela Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) no final dos anos 90. Foca predominantemente na representação da figura humana. Rodrigo tem trabalhos em coleções institucionais como Fundação Cultural Badesc (Florianópolis); Galeria de Arte da Universidade Federal de Santa Catarina (Florianópolis-SC); Museu de Arte de Santa Catarina, Florianópolis (Florianópolis-SC) e SESC Santa Catarina (Florianópolis-SC).

R$ 1.200,00
LOTE 041 Rodrigo Cunha – Figura Masculina – 35×21 cm – desenho s/ papel  (55×36 cm com moldura)

Rodrigo Cunha (Florianópolis/SC 1976). Formado em Artes Plásticas pela Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) no final dos anos 90. Foca predominantemente na representação da figura humana. Rodrigo tem trabalhos em coleções institucionais como Fundação Cultural Badesc (Florianópolis); Galeria de Arte da Universidade Federal de Santa Catarina (Florianópolis-SC); Museu de Arte de Santa Catarina, Florianópolis (Florianópolis-SC) e SESC Santa Catarina (Florianópolis-SC).

R$ 1.200,00
LOTE 042 Rodrigo de Haro – Mulher – 60×50 cm – ASE (80×60 cm com moldura)

Paris/FR (1939) – Vive em Florianópolis/SC. Rodrigo de Haro é artista plástico, poeta e muralista de uma linha que se convencionou chamar de fantástica, de escrita quase automática, plena de fantasia e intenções. Artista contemporâneo, ele trabalha sua pintura com elementos diversificados. Considerado um dos mais importantes artistas catarinenses no século XX.

R$ 12.000,00
LOTE 043 Juliana Hoffmann – Paisagem Noturna, 2013 – 150×100  cm – AST

Concórdia, SC. Artista Plástica, reside e trabalha em Florianópolis. Já expôs em diversas cidades catarinenses e em outros estados como São Paulo e Rio de Janeiro. Fez algumas exposições individuais entre elas MASC, 1991 e 2004; Museu Histórico de SC, 2008; Fundação Cultural BADESC, 2017; e Instituto Meyer Filho, 2019. Participou de algumas mostras coletivas internacionais, e em 2015 ganhou o Prêmio Aliança Francesa de Arte Contemporânea – Residência na Cite Internacionale des Arts em Paris.

R$ 4.000,00
LOTE 044 Silvio Pleticos – Cidade – 60×70 cm – ASE  (90×100 com moldura)

Pula/Croácia (1924 – 2020) – Estuda arte em Milão em 1940. A Segunda Guerra o torna ilustrador do Exército. Depois, retoma os estudos em Zagreb, entre 1947/54. Chega ao Brasil em 1961, passando por diversas cidades até se fixar, em 1967, em Florianópolis/SC, onde foi professor de desenho e pintura. Classificar a obra de Pleticos é uma tarefa quase impossível. Figurativo, fauvista, cubista ou surrealista? Um olhar atento pode constatar traços de cada uma dessas correntes.

R$ 12.000,00
LOTE 045 Vera Sabino – Figura Feminina com galo, 2011 – 40×50 cm – ASE – (71×61 cm com moldura)

Vera Sabino (Florianópolis/SC 1949). É reconhecida nacionalmente, retratando a cultura, tradições e costumes de Santa Catarina. O tema principal de suas obras sempre foi voltado às histórias que ouvia quando era criança sobre as bruxas. Florianópolis é conhecida como a ilha da magia, e o mito dessas criaturas é popular entre seus habitantes. Tem em seu currículo cerca de 40 exposições, englobando as mostras internacionais. Coleciona também diferentes prêmios, como a Medalha de Mérito Cultural Cruz e Sousa.

R$ 4.900,00
LOTE 046 Zumblick – Vendedor, 1969 – 50×40 cm (82×72 cm de moldura)

Willy Alfredo Zumblick (Tubarão/SC, 1913 – 2008) Pintor e escultor, fez  sua primeira exposição individual em 1939, Tubarão, e no mesmo ano em Florianópolis. Realizou mais de 70 exposições individuais e coletivas em SC, RS, PR, RJ e Brasília. Executou telas ligadas à história do Estado de SC, Vias-Sacras das igrejas de Tubarão e Criciúma/ SC, relevos em concreto e cerâmica e bronze.

Figura junto com Vitor Meirelles, Martinho de Haro, Hassis e Meyer Filho entre os principais artistas plásticos do Estado.

R$ 6.500,00
LOTE 047 Rodrigo de Haro – Nu e Jarra, 2012 – AST – 35×45 cm

Paris/FR (1939) – Vive em Florianópolis/SC. Rodrigo de Haro é artista plástico, poeta e muralista de uma linha que se convencionou chamar de fantástica, de escrita quase automática, plena de fantasia e intenções. Artista contemporâneo, ele trabalha sua pintura com elementos diversificados. Considerado um dos mais importantes artistas catarinenses no século XX.

R$ 5.500,00
LOTE 048 Rodrigo de Haro – S/ Título, 2012 – AST – 50×40 cm

Paris/FR (1939) – Vive em Florianópolis/SC. Rodrigo de Haro é artista plástico, poeta e muralista de uma linha que se convencionou chamar de fantástica, de escrita quase automática, plena de fantasia e intenções. Artista contemporâneo, ele trabalha sua pintura com elementos diversificados. Considerado um dos mais importantes artistas catarinenses no século XX.

R$ 5.900,00
LOTE 049 Antônio Maia – Amuleto, 1989 – AST – 40×40 cm (com moldura 66×66 cm)

Carmópolis/SE (1928) – Rio de Janeiro/RJ (2008) – Pintor, desenhista, gravador, ilustrador.  Vive a infância no interior sergipano, o que contribui para o desenvolvimento de uma temática sua ligada à religiosidade popular do Nordeste. Transfere-se para o Rio de Janeiro em 1955, ali exercendo a atividade de pintor e adotando como estilo o abstracionismo informal.

R$ 2.500,00
LOTE 050 Neri Andrade – Lavadeiras, 1997 – OST – 30×40 cm (38×48 cm com moldura)

Florianópolis/SC (1954) – Pintura Naïf, traz no seu trabalho paisagens da Ilha de Santa Catarina com um estilo primitivo, em que se vale muito dos vazios de espaço, deixando as figuras respirar dentro de composições que seguem construções bastante equilibradas e de efeitos muitas vezes inesperados.

 

R$ 930,00
LOTE 051 Juarez Machado, S/ Título – Rotogravura – Tiragem 141/200 – 63×43 cm (com moldura 87×66 cm)

Joinville/SC (1941) – Estudou na Escola de Belas Artes do Paraná, em Curitiba/PR. Em 1966, mudou-se para o Rio de Janeiro/RJ. Mais que um pintor, trabalhou também com ilustração, teatro e televisão, escultura e desenho. Recebeu prêmios em feiras no Brasil e prêmios internacionais. Desde 1986 vive em Paris e expõe na Europa, além de contar com ateliês em Paris, Rio de Janeiro e Joinville.

R$ 1.500,00
LOTE 052 Digo Tertschitsch – S/ título, 2004 – OST – 70×80 cm

Florianópolis/SC (1963) – Pintor acadêmico de estilo realista, suas obras são muito admiradas pela transparência e fidelidade dos traços, principalmente quando se fala de Retratos. Há quem diga que os retratos que o artista reproduz, exprimem a alma de seus modelos. Reconhecido em todo o Brasil e no Exterior, Digo Tertschitsch tem quadros em coleções particulares em diversos países.

R$ 4.200,00
LOTE 053 Rubens Oestroem – Água Cor, 2005 – AST – 72×65 cm

Blumenau/SC (1953) – Vive e trabalha em Florianópolis. Escultor, gravador e professor, além de pintor. Residiu na Alemanha, onde cursou mestrado em pintura e litografia na Escola Superior de Artes de Berlim. Sua contínua busca por novas linguagens e técnicas fazem dele uma referência na pesquisa em artes plásticas e um dos mais conceituados artistas catarinenses.

R$ 2.400,00
LOTE 054 Cleusa Soares – Dama de vermelho, 2014 – OST – 100×80 cm

Pelotas/RS (1950) – Sua pintura se caracteriza pelo hiper-realismo com cores fortes, pinceladas determinadas, que retratam na sua maioria naturezas mortas, figuras e flores. Cleusa Soares tem uma pintura limpa, sem excesso de tintas, conseguindo passar para a tela toda sua sensibilidade e determinação através de formas tão harmoniosas.

R$ 3.900,00
LOTE 055 Doval – Cesto com flores, 1984 – 30×40 cm – AST

Santa Vitória do Palmar/RS – Pintor naïf. Faz releituras de paisagens urbanas brasileiras e expressa perspectivas. Iniciou sua carreira nos anos 1980 e desde então participou de coletivas, individuais e salões de arte.

R$ 750,00
LOTE 056 Maciel – Figura feminina – 30×30 cm – OST

Bento Gonçalves/RS – 1969/70 – Escola de Arte da UFRS; Escola Superior de Belas Artes de San Fernando, Madrid/ES. Curso de Gravuras em Metal. 1971 – École Pratique des hautes Etudes, Paris/FR, Universidade Livre de Vicennes. 1972/73 – Estágio de aperfeiçoamento em gravuras em Metal, no Centro Genebrino de Gravuras Contemporânea, (Centro Genovois de Gravure Contemporaine), Genebra, Suíça.

R$ 1.200,00
LOTE 057 Roberto de Souza – Estudantes – 41×32 cm – OST (72×64 com moldura)

Rio de Janeiro/RJ (1943) – Retratos e figuras, notadamente crianças e nus, são temas recorrentes em suas telas. Seu tema por excelência, porém, é a cidade do Rio de Janeiro, em especial o bairro de Ipanema, onde nasceu e cresceu. Realizou mais de uma dezena de exposições individuais, entre outras no Museu do Estado da Bahia, em Salvador e na Galeria Vitória, em Brasília/DF.

R$ 600,00
LOTE 058 Nini – Árvore, 77 – 106×45 cm – OSE

São José/SC (1928-2008) – Iniciou na pintura em 1973. Seu currículo inclui mais de 200 exposições individuais e coletivas em Santa Catarina, no Brasil e em países como Argentina, Paraguai e França. Pela sua trajetória impecável no mundo das artes recebeu premiações importantes e grandes homenagens, um dos destaques foi o título de Embaixatriz da Cultura em São José/SC.

R$ 600,00
LOTE 059 Zélio Andrezzo – Árabes, 2002 – 60×80 cm / OST – (97×78 cm com moldura)

Florianópolis/SC (1948). O artista possui um palheta madura com pinceladas firmes e decididas. Evoluindo no transcorrer do tempo, refletem seus trabalhos as luzes douradas do horário nobre dos céus da tarde, característica da pintura italiana. Suas obras fazem parte de diversos acervos particulares no Brasil e no exterior.

R$ 4.800,00
LOTE 060 Beta Monfroni – Justiça – AST – 90×90 cm

Rio Grande do Sul (1948) – Vive e trabalha em São José/SC. Seu estilo espontâneo, que explora o limite entre o abstrato e a figura encontrou na tela e no acrílico o melhor suporte para expressar suas ideias. Com pinceladas fortes e espaçosas, desenho impecável, é uma das grandes expressões da pintura abstracionista de Santa Catarina, com exposições individuais no MASC em 2003 e 2008.

R$ 1.900,00
LOTE 061 Zanotti – Quintal com flores vermelhas, 2007 – 32×38 cm

Praia Grande/SP (1945-2008) – Transita entre o figurativo e o abstrato, deixando algumas referências do mundo visível para que possamos identificá-lo. O restante é cor, planos, luz, sombra; matéria prima do artista. Como exímio colorista, Zanotti deixa a cor dominar a obra. Ela é forte e necessária; ora sutil, ora contundente. Explora a transparência, quase como uma aquarela: suave ao toque, ao olhar.

R$ 750,00
LOTE 062 Luciana Petrelli – Série- TEMPOCORPO, 2013 – 57×85 cm – Fotografia Fine Art – (62×90 cm com moldura)

Cursou Comunicação Social na PUC/ Rio de Janeiro. Nos anos 80, fez parte da geração de artistas e fotógrafos da cidade de Curitiba. Desde 2013 dedica-se ao estudo da fotografia autoral, e em 2017 participou da Bienal de Curitiba, Polo SC-Florianópolis. Vive e trabalha em Florianópolis, estuda e pesquisa sobre fotografia contemporânea junto ao Núcleo de Estudos em Fotografia e Arte – Nefa.

R$ 600,00
LOTE 063 Lucila Horn – Proibido subir ao altar-2 – 60×45 cm – Fotografia Fine Art

Artista, Curadora, produtora e Arte educadora, graduada em Artes Plásticas, pós-graduada em Pintura, especialista em Arte e Ciências Humanas e em Fotografia, mestre em Educação e Cultura e doutoranda em Educação pelo PPGE- FAED – UDESC. Artista desde 1987. Coordena o Festival de Fotografia Floripa na Foto e o Núcleo de Estudos em Fotografia e Arte – NEFA.

R$ 680,00
LOTE 064 Ana Sabiá – Da Série Do Porão Ao Sótão, 2016-7 – 29×20 Cm (30×39 Cm Com Moldura)

São Paulo/SP – Artista visual e pesquisadora. Doutoranda em Artes Visuais pela UDESC, na linha Processos Artísticos Contemporâneos. Licenciada em Educação Artística pela FAAP. Atualmente, desenvolve pesquisas abrangendo corpo e auto representação, como estratégia de problematização do feminino através da fotografia autoral. Participante do Coletivo 7Mulheres do NEFA .

R$ 300,00
LOTE 065 Alexandre Reider – Paisagem – OST – 18×24 cm (40×46 com moldura)

São Paulo/SP (1973) – Consegue transpor para a tela com muita competência e profundidade os contrastes de luz e sombra, e os detalhes essenciais à expressividade e a veracidade das paisagens que aborda. São calmas marinhas e fascinantes paisagens que se encontram em coleções no Brasil e Europa.

R$ 600,00
LOTE 066 Cassio Mello – Cabeça Árabe com enfeite, 2005- 40×40 cm – OST

São Paulo/SP – Reside na cidade do Porto, Portugal.  Faz parte do elenco das mais conceituadas galerias de arte do Brasil e do exterior.  Qualificado e talentoso desenhista, desenvolveu apurada técnica na arte de pintar majestosos cavalos. Premiado no Brasil, França e Portugal, Cassio Mello busca incansavelmente aperfeiçoar sempre mais seu trabalho.

R$ 950,00
LOTE 067 Adriana Füchter – Ardente, 2018 – 40x60cm – Impressão Fine Arte

Füchter

Nasceu e vive em Florianópolis, formou-se em Administração pela UFSC em 1988. Estudou música pelo Conservatório Brasileiro de Música do Rio de Janeiro, e outras áreas artísticas como a dança e varias técnicas em pintura. Retornou e continuou a busca de mais conhecimento, estudou com renomados fotógrafos nacionais e estrangeiros, conquistou dezenas de prêmios, além de ter realizado exposições coletivas e individuais. Participante do Núcleo de Estudos em Cultura e Arte – NEFA em Florianópolis.

R$ 600,00
LOTE 068 Adriana Füchter – Janela para história sem história, 2019 – 77 x 105 cm – Impressão fotográfica sobre papel e janela de demolição.

Nasceu e vive em Florianópolis, formou-se em Administração pela UFSC em 1988. Estudou música pelo Conservatório Brasileiro de Música do Rio de Janeiro, e outras áreas artísticas como a dança e varias técnicas em pintura. Retornou e continuou a busca de mais conhecimento, estudou com renomados fotógrafos nacionais e estrangeiros, conquistou dezenas de prêmios, além de ter realizado exposições coletivas e individuais. Participante do Núcleo de Estudos em Cultura e Arte – NEFA em Florianópolis.

R$ 600,00
LOTE 069 Roberto Mello – Cabeça de cachorro – 30×40 cm – OST – (64×53 cm com moldura)

Belo Horizonte/MG (1970) – Cursou Bacharelado e Licenciatura plena em Artes Visuais pela Escola de Belas Artes da UFMG.  Seus trabalhos exploram um realismo com forte influência impressionista ou um impressionismo com grande apelo realista.

 

R$ 380,00
LOTE 070 Lourenço – Mulher, 1999 – 50×40 cm – OST (70×60 cm com moldura)

São Paulo/SP (1945) – Pintor, desenhista e artista gráfico. Estudou desenho com Nelson Nóbrega na FAAP entre 1962 e 1965. Neste mesmo ano viaja à Bahia, onde executa a série de desenhos Lavadeiras. Entre 1965 e 1967, trabalha como diagramador para a Editora Abril nas publicações Realidade e Conhecer. Em 1987, é escolhido o melhor pintor do ano por alunos da Chapel School, em São Paulo.

R$ 3.800,00
LOTE 071 Silvia Carvalho – Morena de Cabelo Rosa, 2011 – Pigmento natural terroso s/ tela – 70×50 cm

São Paulo/SP (1970) – Vive e trabalha em Florianópolis. Formada em Artes Plásticas pela UDESC, além de Criação e Ilustração pela Escola Panamericana de Arte.  Sua produção está centrada na prática de pintura e desenho. Ministra oficinas de pintura, desenho e pigmentos naturais. É membro do grupo de pesquisa em Arte Contemporânea com o GRUPO ESTÚDIO DE PINTURA APOTHEKE.

R$ 880,00
LOTE 072 Juarez Machado, 96 – Rotogravura – 34×45 cm – (com moldura 87×66 cm)

Joinville/SC (1941) – Estudou na Escola de Belas Artes do Paraná, em Curitiba/PR. Em 1966, mudou-se para o Rio de Janeiro/RJ. Mais que um pintor, trabalhou também com ilustração, teatro e televisão, escultura e desenho. Recebeu prêmios em feiras no Brasil e prêmios internacionais. Desde 1986 vive em Paris e expõe na Europa, além de contar com ateliês em Paris, Rio de Janeiro e Joinville.

R$ 1.300,00
LOTE 073 Lélia Brown – São José e menino Jesus, 2004 – OST – 50×40 cm (72×62 cm com moldura)

Rio de Janeiro/RJ (1945) – Vive em Curitiba/PR desde 1957. Pintora, desenhista e professora de artes. Cria a partir de temáticas: mitos e lendas regionais, figuras femininas místicas, natureza, etc. Seus quadros primam pelos detalhes, com desenhos de linhas firmes.

R$ 1.100,00
LOTE 074 Ricardo Saunders – Amor Possessivo –  AST – 40×20 cm (com moldura 57×36 cm)

Belém do Pará 1947 – Pirenópolis 2001 – Foi pintor e publicitário.

R$ 390,00
LOTE 075 José Alves – Natureza Morta, 1995 – Acrílica e colagem encerado – 63×70 cm (com moldura 90×83 cm)

Mourinhos/GO (1957) – Participou de exposições coletivas em Ouro Preto/MG, Goiânia/GO e Brasília/DF. Individual no Banco do Brasil e Galeria Vânia Machado, em Goiânia/GO.

R$ 600,00
LOTE 076 Digo Tertschitsch – Xícara e copo, 2010 – OST – 20×20 cm –  (com moldura 48×48 cm)

Florianópolis/SC (1963) – Pintor acadêmico de estilo realista, suas obras são muito admiradas pela transparência e fidelidade dos traços, principalmente quando se fala de Retratos. Há quem diga que os retratos que o artista reproduz, exprimem a alma de seus modelos. Reconhecido em todo o Brasil e no Exterior, Digo Tertschitsch tem quadros em coleções particulares em diversos países.

R$ 900,00
LOTE 077 Lélia Brown – Peixe (da série mulher tatuada), 1999 – OST – 30×20 cm (com moldura 57×47 cm)

Rio de Janeiro/RJ (1945) – Vive em Curitiba/PR desde 1957. Pintora, desenhista e professora de artes. Cria a partir de temáticas: mitos e lendas regionais, figuras femininas místicas, natureza, etc. Seus quadros primam pelos detalhes, com desenhos de linhas firmes.

R$ 950,00
LOTE 078 Cássio Mello – Potros no bebedouro, 2002 – 40×30 cm OST – (50×60 cm com moldura)

São Paulo/SP – Reside na cidade do Porto, Portugal.  Faz parte do elenco das mais conceituadas galerias de arte do Brasil e do exterior.  Qualificado e talentoso desenhista, desenvolveu apurada técnica na arte de pintar majestosos cavalos. Premiado no Brasil, França e Portugal, Cassio Mello busca incansavelmente aperfeiçoar sempre mais seu trabalho.

R$ 850,00
LOTE 079 Miriam Medeiros – Plantio, Rio 1984 – 32×40 cm – OST (56×64 cm com moldura)

Blumenau/SC – Fez seus primeiros estudos de pintura com o professor Emerich em sua cidade natal. Em 1966, já no Rio de Janeiro, construiu uma obra que ultrapassou as fronteiras e refletiu um confronto internacional. Harry Laus, referindo-se à temática da pintora diz: “Entre a abstração e a paisagem, se diverte com seriedade porque tem domínio perfeito das ferramentas que usa.”

R$ 1.200,00
LOTE 080 José Alves Ferreira Jr – Natureza Morta, 1997/Goiás  – 61×92 cm – Vinil e colagem encerado

Mourinhos/GO (1957) – Participou de exposições coletivas em Ouro Preto/MG, Goiânia/GO e Brasília/DF. Individual no Banco do Brasil e Galeria Vânia Machado, em Goiânia/GO.

R$ 800,00
LOTE 081 Rui Krombauer – S/ Título – 70×100 – AST sobre placa

Porto Alegre/RS (1961) – Pintor, Arte-educador, desenhista, gravador. Agregar, sobrepor, colar, raspar, romper regras da pintura bem comportada, inventar e reinventar bem como estar pronto para integrar o acaso na obra, esta é uma dinâmica tão fundamental para o processo artístico de Ruy.

R$ 600,00
LOTE 082 Ernesto Lacerda – Menina com flores – AST sobre placa – 53×38 cm

Recife/PE (1926) – Pintor, desenhista e gravador, transferiu-se para o Rio de Janeiro em 1946. Autodidata, frequentou depois a Universidade Temple, em Filadélfia – USA (1946/1947). Regressando ao Brasil, cursou a ENBA (1948 e 1952) e estudou Litografia com Darel.

R$ 700,00
LOTE 083 Luiza Fedrizzi  – Flores Brancas – AST – 70×100 cm

Caxias do Sul/RS – Artista plástica há mais de 20 anos, Luiza tem o domínio de várias técnicas de pintura nos mais variados objetos. Atualmente, dedica-se quase que exclusivamente a pinturas de acrílico em tela e aquarelas. Ultrapassou o número de 70 exposições individuais e coletivas no Brasil e em países como Itália, Portugal, Argentina, Canadá e Estados Unidos.

R$ 900,00

 

Na imagem, a obra “Cidade”, de Silvio Pléticos –  40×50 cm – Acrílica s/ tela.

X
X