Eventos

Dez ideias para espaços infantis em mostra de decoração em Curitiba

Por novembro 23, 2019 Sem comentários

 

A segunda edição da Mostra Kids Concept Decor apresenta dez ambientes assinados por arquitetos e decoradores.  A proposta reúne tendências do mercado de decoração infantil.

Com décor clássico, temático ou lúdico, os profissionais criaram seus espaços a partir de um homenageado, sendo eles crianças e gestantes. Em sua maioria, os ambientes foram pensados para que a criança utilize o quarto por um longo período, tornando a proposta funcional e sustentável. “Os pais atualmente estão procurando um mobiliário que dure mais tempo. As crianças passam por varias fases desde o nascimento até a adolescência e, para isso, é fundamental um mobiliário que atinja as necessidades da família”, revela Priscila Gusso, sócia da loja Kids Concept, onde está sendo realizada a mostra.

Assinam os ambientes nesta edição: Amanda Ohpis, Antônio Taques, Bruna Souza, do escritório BE.STUDIO | Arquitetura; Carla Armstrong e Tiago Alves, João Neto, Marceli Bahl, Mariana Manzoni, do escritório Studio MG 2; Monica Pajewski, Priscila Gusso e Renata Fraidg.

Confira os ambientes e as propostas:

Safari do Bernardo, por Amanda Godofredo Ohpis

O quarto traz a natureza africana para o convívio familiar. O safari foi o tema escolhido pela arquiteta, que propõem cores e elementos que remetam à temática. O destaque principal é a parede do berço, revestida com pedras e muro verde. O quarto também conta com cordas, pedras e vegetações em todo espaço. A arquiteta Amanda Ohpis buscou respeitar a personalidade da família e do bebê, oferecendo mais praticidade e funcionalidade sem perder o tom lúdico. O cômodo, de 11 metros quadrados, foi projetado com um espaço central para que, com o tempo, a criança possa aproveitar e interagir mais com o quarto.

 

Quarto Inglês, por Antônio Taques

 
O projeto do espaço, de 10 metros quadrados, é inspirado na temática britânica. O quarto inglês é uma homenagem à Luisa Werner, mãe de Teodoro Werner Hasselmann. Ambiente versátil para o dia a dia da família, o espaço conta com predominância do azul marinho. Com materiais exclusivos, como o papel de parede xadrez desenvolvido para o projeto, esse quarto conta com a sofisticação clássica inglesa para receber o pequeno Teodoro.

 

World of Cici, por Bruna Souza

  O quarto World of Cici foi projetado com base no conceito atemporal, para que a criança possa aproveitá-lo desde os primeiros meses de vida até a sua adolescência. O ponto de partida para a concepção do projeto do espaço, de 12 metros quadrados, é a cama-beliche em formato casinha. A utilização de plantas naturais também agrega um charme a mais ao décor, em conjunto com os flamingos, que apresentam um tom lúdico à composição do ambiente. A decoração destaca o vime, em caixas, sofá suspenso, carrinho de boneca e vasos. A homenagem do espaço é dedicada à pequena Cecilia Ribas de Souza.

 

Expedição Polo Norte, por João Neto

 O quarto remete a uma viagem pelo Polo Norte, explorando as montanhas junto à companhia dos ursos polares. Com paleta de cor azul, cinza e branco, a intenção é fomentar a imaginação dos pequenos. Os 13 metros quadrados são setorizados em duas partes: a funcional e a zen. Na primeira, se encontra o espaço para brincadeiras e rotina do dia a dia. Já a segunda é direcionada para o momento de imersão e descanso da criança, onde está localizada a cama, transformando o momento de dormir no mais esperado do dia.

 

Um pé na lua!, por Marceli Bahl e João Bonat

 Comemorando 50 anos da chegada do homem à lua, os arquitetos Marceli Bahl e João Bonat decidiram transformar o quarto infantil em uma experiência sensorial. Além do espaço sideral, o tema astronauta também faz parte do ambiente, estimulando a imaginação e reafirmando o conceito de exploradora do universo. Os destaques do quarto, de 14 metros quadrados estão presentes na mistura entre as estampas do papel de parede, com a volumetria dos painéis ripados, além da escolha da textura jeans para personalização da poltrona de amamentação. Um cuidado que a dupla de profissionais teve foi atender às necessidades da rotina da família sem perder o conceito lúdico. O espaço é dedicado à Maelli Neto, mãe do Lucca Carvalho Storrer.

 

Primeira infância, por Mariana Manzoni

 
Inspirado nos conceitos e na história da pediatra húngara Emmi Pikler, o quarto, de 26 metros quadrados, foi idealizado para incentivar o movimento livre da criança, desde o seu nascimento até os três anos de idade. A madeira maciça é o material de destaque no ambiente, remetendo à natureza junto aos papeis de parede. Na escolha das cores a arquiteta não se prendeu a gêneros, optando pelo verde e rosa para compor o ambiente. Uma das prioridades do projeto é que, além de atender às necessidades da rotina familiar, as crianças tenham espaço para brincar e fazer a imaginação despertar.

 

Viva la vida, por Monica Pajewski 

 
Referência em ousadia tanto em sua personalidade, como em suas obras: a inspiração para esse quarto infantil, de 12 metros quadrados, é a artista Frida Khalo, resultando em um ambiente criativo e delicado.  A homenageada do cômodo é uma menina de oito anos de idade, que adora desenhar, ler e tem uma personalidade marcando. Além do mobiliário solto, pendentes revestidos de tricô, puff e mantes de crochê e bastidores bordados à mão são o destaque do décor. As cores fortes também são destaque no ambiente.

 

Ame a natureza, por Priscila Gusso

 
Um quarto que reflete a natureza. Nos 8 metros quadrados do cômodo estão presentes elementos como árvores, troncos, palhas e cordas, que transportam a família para a grandiosidade da mãe natureza. O destaque do ambiente é encontrado no papel de parede com estampa de folhagem. A escolha das cores foi feita para um quarto de menina, ousando no verde da natureza, com detalhes em rosa pastel – toque feminino do cômodo. A homenageada do espaço é a arquiteta Mariana Manzoni.

 

Voando na imaginação, por Renata Fraidg 

 

Um ambiente para o bebê e para a mamãe, oferecendo diferentes estímulos e praticidade. O cômodo, de 15,6 metros quadrados, oferece uma proposta tradicional, com o berço, cômoda, poltrona de amamentação e brinquedos. O papel de parede aviador leva a criança a flutuar entre as nuvens, representadas pelas cores azul e branco presentes no revestimento. O espaço é dedicado à mamãe Juliane Barcelos Rissardi Pinto e ao bebê Joaquim Rissardi Pinto.

 

Quartinho Blessed, por Carla Armstrong e Tiago Alves 

 

 Os 13,6 metros quadrados foram pensados para proporcionar aconchego, para que a criança se sinta acolhida em todos os momentos. Em homenagem à Catarina, o projeto é uma celebração à vida do bebê, que nos primeiros dias de vida passou por uma cirurgia no coração. Cada elemento foi escolhido para trazer um maior conforto e integração do bebê com o espaço, proporcionando grandes momentos de alegria junto à família.

 

Serviço

Rua Alferes Ângelo Sampaio, 2222 – Bigorrilho – Curitiba.

Segunda à sexta, das 10h às 19h e aos sábados das 10h às 14h.

 

 

Fotos: Marcelo Stammer | Divulgação 

error: Para compartilhar esse conteúdo, use o link ou as ferramentas de compartilhamento do site da revista ÁREA e contribua para a valorização do jornalismo especializado.
X
X