Notícias

‘Casa sustentável’ de Curitiba abre à visitação pública como Mostra Container

Terá início nesta quarta-feira, 15 de agosto, o período de visitação da chamada Mostra Container, em Curitiba (PR) – ‘casa sustentável’ de 375 metros quadrados projetada e construída a partir do envolvimento coletivo e voluntário de 50 profissionais, entre arquitetos, designers e engenheiros.  O evento apresentará o resultado deste trabalho que vem sendo desenvolvido há três anos com o objetivo de projetar uma casa a partir dos parâmetros de itens de sustentabilidade e de consciência ambiental. Todas as soluções de projeto, assim como os materiais, produtos e serviços envolvidos seguiram essa premissa, para tornar a edificação um grande centro de aprendizagem na prática.

Erguida com o uso de sete containers e estrutura em steel frame, sob o projeto arquitetônico de Claudia Novak e Daniela Cerbatto, a casa apresenta 23 ambientes, distribuídos em dois setores: área de viver e estar, no térreo, e área de criar, no primeiro andar.  Confira a relação completa a seguir.

Empresas nacionais e estrangeiras participam como patrocinadoras e apoiadoras, apresentando as mais atuais soluções para a construção e manutenção de uma casa eficiente, que vão desde hortas verticais à materiais de isolamento termoacústico elaborados com nanotecnologia. Em torno de 20% da energia elétrica utilizada é produzida na própria casa, por meio de painéis fotovoltaicos. As outras medidas adotadas, como o aproveitamento da luz natural com a instalação de grandes janelas, eletrodomésticos e lâmpadas mais eficientes, proporcionam uma economia de mais de 30% no consumo de energia elétrica. Há também um sistema de aproveitamento de água da chuva, que é captada pelo telhado, tratada e abastece duas bacias sanitárias, sendo uma delas convertida para a limpeza geral da casa.

A Mostra Container está localizada na Estrada Ângelo Pianaro, 1.631, no bairro Butiatuvinha, em Curitiba (PR), e poderá ser visitada, gratuitamente, até o dia 21 de setembro, em grupos agendados. Após essa data, a casa será habitada. Clique aqui para agendar.

Sobre o projeto

O projeto da Mostra Container teve início em 2015, quando a empreendedora Tatiana Hultmann Stavitzki adquiriu o terreno, de 1.600 metros quadrados, em um condomínio fechado, cercado por bosques em área de preservação permanente. Egressa de uma empresa especializada em venda e locação de containeres, Tatiana idealizou a ‘casa sustentável’ e procurou profissionais e empresas dos setores de arquitetura, construção e decoração para unirem-se a essa ideia. O projeto foi registrado no Green Build Council (GBC Brasil) com vistas à obtenção do Selo Sustável na modalidade Casa – certificação de sustentabilidade reconhecida internacionalmente. O processo encontra-se em auditoria e o resultado deverá ser divulgado em algumas semanas.

Tatiana explica que o objetivo é mostrar que é possível buscar alternativas mais viáveis, do ponto de vista da sustentabilidade, no setor da construção civil. Além disso, a casa também tem sido uma grande escola.“Durante esses três anos, os arquitetos e designers puderam desenvolver suas aptidões em construção sustentável, por meio de cursos oferecidos. Também foram feitas palestras em universidades do Paraná sobre o assunto e mais de dois mil alunos já tiveram a chance de conhecer e aprender com a ideia. Nosso grande intuito é contribuir para mudar a consciência das pessoas sobre a sua forma de viver e construir; precisamos nos unir e encontrar soluções para o problema do uso indevido de recursos naturais, estar alinhados com a visão 2050, para um mundo melhor”, afirma a idealizadora do projeto e coordenadora geral da Mostra Container. Durante este período, diversos cursos e palestras foram ministrados em instituições de ensino do estado, totalizando em torno de 1,2 mil participantes.

“De acordo com documento oficial da Visão 2050 do Brasil, o setor da construção civil é um dos maiores consumidores de energia e recursos naturais. Sua cadeia produtiva é responsável por 75% da extração desses recursos, entre água, madeira e minerais, gerando cerca de 50% dos resíduos sólidos urbanos e o desperdício dos materiais pode chegar a 40%; por isso é preciso repensar a forma de projetar e construir e adotar métodos alternativos e funcionais”, explica Tatiana, referindo-se ao documento produzido pelo Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável.

 

 

Conheça os ambientes:

Fachada e lateral – artista Tatiana Hultmann Stavitzki com participação e consultoria de Felipe Guerra, do engenheiro mecânico Fabiano Marcon e do escritório Jessika Bona Arquitetura
1. Espaço Zen – arquiteto Luiz Maingué

2 e 3. Sala de Jantar e Estar –  artista Tatiana Hultmann Stavitzki, engenheira Nazaré Alves, designer Jonathan Cardozo, arquiteta Priscila Ferstemberg e designer Mauren Buest.

4. Lavabo –  arquiteto Givago Ferentz

5. Cozinha – arquiteta Daniela Cerbatto e a designer Claudia Novak

6 e 7. Copa e Churrasqueira – arquiteto Givago Ferentz

8. Sala Íntima – designers Schaelly Campos e Mauren Buest

9. Suíte dos Meninos Viajantes – arquitetos Rafael Wagner e Débora Pootz

10. Banheiro dos Meninos – arquitetas Lucille Amaral e Kelly Trindade

11. Quarto da Adolescente – arquiteta Gisela Ribeiro, com apoio da engenheira Nazaré Alves

12. Banheiro Teen – arquiteta Tatiana Merheb

13 e 14. Refúgio do Casal – Suíte Master e Closet – arquiteta Mayana Thomé

15. Banheiro do Bosque – arquitetos Mirian Rodrigues e Diego Viali

17. Lavanderia – arquitetas Milene Guerke Vieites Gil e Ana Paula Leal e a designer Anna Karolinna Venturi

18. Banheiro Acessibilidade – arquiteta Caroline da Güral Arq.©

19. Escada e casinha Pet Lovers – artista plástica Tatiana Hultmann Stavitzki

20. Biblioteca e Home Office – designer de interiores Nina Oven e a arquiteta Paola Burkot

21. Studio do Cineasta – arquiteta Lucille Amaral

22. Ateliê e Brinquedoteca Multifuncional – arquitetas Lucia Loxca e Carolene Coimbra

23. Banheiro Tech – designer Jonathan Cardozo

24. Sala de TV da Família – arquiteto Zeh Pantarolli e o designer Diego Miranda Leite

25. Varanda do Bosque – Zeh Pantarolli e Diego Miranda Leite

 

Paisagismo
A arquiteta e paisagista Heloisa Caparica assina o paisagismo da Mostra Container. As plantas típicas da região e perenes, com bastante folhagem verde são predominantes, o que tornou o jardim funcional, já que elas apresentam resistência às baixas temperaturas e exigem baixa manutenção. O uso de lavandas, arruda e alecrim afasta pequenos insetos indesejados do entorno da casa, enquanto a pequena horta de temperos e vegetais cresce tranquila no jardim dos fundos. Manacás trazem cores e o perfume do jasmim exala próximo à varanda do quarto do casal. O jardim conversa com os demais ambientes, e se integra harmoniosamente ao bosque nativo que possui mais de 200 árvores; recebe visitas de tucanos, pica pau, jacus, pequenos e curiosos saguis entre outros animais nativos que se alimentam ali. O jardim e o bosque são o maior presente da natureza para quem vier habitar a casa.

Iluminação
Todo o projeto luminotécnico da casa é assinado pela arquiteta Priscila Ferstemberg – profissional com o maior número de projetos executados em container no Brasil, ao todo, são 16 – e a proposta era trabalhar com o limite de 50 watts por m², para obter a certificação LEED e ser mais um ponto a favor da sustentabilidade. Mesmo assim, todos os cômodos ficaram bem iluminados, harmônicos, funcionais e são dimmerizados, possibilitando variação da luminosidade conforme as necessidades da família. Além disso, a luz natural foi aproveitada ao máximo.

Ficha técnica

Coordenação Geral e gerência de Obras

Tatiana Hultmann Stavitzki

Gestão de projeto e coordenação

Anna Paula Fraiz

Projeto arquitetônico

Claudia Novak -Projeto arquitetônico e cozinha

Daniela Cerbatto – Projeto arquitetônico e cozinha

Construtora EcoHome

Eduardo Miranda – Construtora EcoHome Engenheiro responsável

Marcel Piras – Construtora EcoHome Arquiteto responsável

Corpo técnico, execução e gestão

Abed Tokmaji – Apoio em compatibilização BIM

Alexandre Ganz – Projetos complementares empresa BIM Brasil

Andrew Knoll – Escritor e Guia. Empresa “Knoll Content”

Albanir Fracaro- guia

Bela Pagliosa – Projetista 3d

Diego Pardo – Consultoria hidráulica

Diego Galvan – Consultoria financeira

Edneia Maria Silva – Assessoria Imobiliária e despachante

Fabiano Marcon – Engenheiro mecânico, apoio fachada

Felipe Guerra – Consultoria criativa e captação de parceiros

Johnatan Poterala – Projeto Steelframe

Kaliupe Sachet – Controle Financeiro

Luiza Gonçaves – Assessoria Jurídica

Maria Luiza knoblauch – Consultoria empresarial, artista plástica e captação de patrocínio

Matheus Forte – Forte soluções Ambientais, certificação GBC Casa

Nazaré Alves – Engenheira civil, acompanhamento de obras, Sala de Estar e Jantar e Quarto da Adolescente

Priscila Ferstemberg – Projeto luminotécnico e compatibilização, Sala de Estar e Jantar

Rafael Vieira – Projeto 3d inicial

 

Fotos: Divulgação Mostra Container 

 

X
X